Home Sobre o Blog Quem somos Contato Midia Kit Categorias


dicas-2 category image
25 de novembro de 2015

Dia desses, olhando alguns vídeos postados do Facebook, apareceu na timeline o vídeo de uma garota tocando um instrumento muito diferente, que parecia um mini disco voador, com um som hipnotizante e desde então fiquei procurando mais informações e vídeos sobre ele. Apesar de não entender muito e nem conhecer tanto de instrumentos (só sei mal e mal do piano haha), música sempre foi um tema muito importante e constante na minha vida e por isso quis começar a escrever sobre aqui pelo blog :)

Voltando ao instrumento “disco voador”, descobri que se chama “Hang” ou “Han” em alemão e foi criado no ano 2000 na Suíça pela empresa PANArt Hangbau. É um instrumento de percurssão da onde sai um som muito suave, relaxante, bem etéreo. Vocês vão entender melhor do que to falando vendo o mesmo vídeo que assisti na timeline do facebook:

O que mais me chamou a atenção foi a cadência (sequência de acordes que produz determinada harmonia), clareza do som e depois desse vídeo foi “ladeira abaixo”, fui atrás de mais fontes onde pudesse ouvir esse instrumento:

Até uma música da Bjork que eu já conhecia, do álbum Biophilia, também tem o som do Hang de fundo!

A essa altura provavelmente você  já deve estar pensando como que faz pra ter um desses, né? Descobri que atualmente já existem diversos modelos “genéricos” do Hang. Isso porque logo que foi lançado no mercado, a procura foi muito maior que a produção (que é totalmente artesanal), fazendo com que a PANArt criasse lista de espera (de anos, tá pra vocês?) para entregar os Hangs ~originais~ (que inclusive podem chegar a custar uns 10 mil doláres, apenasshh). Com isso também surgiu um sentimento de exclusividade e uma espécie de círculo musical VIP entre aqueles possuidores do Hang fabricado pela PANArt (#preguiçzZz).

Muita gente cansou de esperar e/ou achou besteira esse negócio de exclusividade e foram criando outros tipos de Hang, em formatos similares, alguns coloridos, outros mais futuristas, alguns com sons mais parecidos com panelas (hahaha).

Na edição deste ano do Sónar em Barcelona, evento que reúne música alternativa e tecnologia (pra dizer o mínimo! Sonho da vida ir em uma edição, já perdi as que tiveram Mogwai e Explosions in the Sky em São Paulo :~ ), foi apresentado o Ovalum instrumento eletrônico inspirado no handpan (versão americana do Hang) e que tem a possibilidade de conectar suas composições à aplicativos e softwares de edição musical 😀

Sei que nessa busca por informações acabei encontrando também uma cooperativa de artesãos de Minas Gerais, a Disco Soador, que fabrica “Tank drums” (mais uma criação inspirada no Hang) a partir de botijas de gás (olhem que lindo a sustentabilidade posta em prática!). Lá dá pra customizar seu instrumento como quiser e nem custa uma fortuna <3 to aceitando de presente, inclusive! #vaiquecola

Espero que tenham gostado do post e se quiserem sugerir algum som novo pra gente comentar por aqui, é só falar!

assinatura mai



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/sons-diferentes-o-hang/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
2 comentários




Tem uma citação que diz “A carência é o mal do século” e ela tem se mostrado muito verdadeira. Se já é difícil computar o número de pessoas carentes socialmente no mundo, imagine o de pessoas carentes afetiva e mentalmente. Arrisco dizer que é bem maior! Muita gente tem a ideia errada de que carência é coisa de gente sozinha, deprê, “que ninguém quer”. Mas se pensar bem, há grandes chances de quem acha isso SER também alguém carente (e é por isso que muita gente não gosta de pensar muito, né? “a ignorância é uma benção” hahaha).

bar-1024x512

Em um mundo onde existem aplicativos para filtrar pessoas que te interessem (alô, Tinder), pessoas que estão por perto (Happn) ou até mesmo quem esteja na mesma vibe atrás de algo 100% casual e sem mágoas (Grindr), estar sozinho é relativo; em uma dinâmica onde mesas de bar e festas transformam desconhecidos em melhores amigos até a próxima rodada e convite para sair via whatsapp, não ter companhia é relativo; e em tempos de declarações públicas em redes sociais e fotos de casais sempre felizes (mesmo que estejam passando por uma crise), estar bem acompanhado também é relativo.

img42

O fato é que nunca estivemos tão conectados e tão disponíveis mas, em se tratando de AFETO, a maioria de nós tem vivido em modo economia de energia. A gente se dá muito pouco mas a gente precisa de MUITO. Todo mundo. Por isso a conta não fecha! A carência que faz uma pessoa procurar alguém minimamente interessante para conversar e massagear seu ego no Tinder, ou alguém procurar uma conexão com alguém legal que acabou de conhecer num bar (do tipo “você me entende!”) é a mesma que faz alguém que está num relacionamento ruim se manter nele. Ninguém consegue ficar completamente sozinho, precisamos dos outros sim! E por isso buscamos nos relacionar de diversas formas. Mas parece que estamos fazendo isso errado e todos saímos perdendo!

Você nem sabe, mas seu amigo de bar tá mal e precisa desabafar mas não fará isso porque o preço para ter sua companhia é SER uma boa companhia, né? Ele não vai te contar os problemas dele e sair aliviado e você não vai oferecer bons conselhos e se sentir bem por isso. Você não notou mas sua namorada perdeu o brilho nos olhos e tá se sentindo meio rejeitada, só que se ela falar isso vai estragar o programa da noite e quebrar o clima, né? Quem sabe amanhã você note e faça algo a respeito! Enquanto isso ela ficará ali esperando porque é mais seguro ter pra quem voltar no fim do dia. Ficar sozinha deve ser horrível! Igual a fulana que vive de encontro em encontro e parece meio perdida. Já pensou que bizarro ter companhia e se sentir sozinha, mesmo assim? Parece a história de alguém que você conhece… a de todos os três exemplos citados nesse parágrafo!!

A5(71)

O quão interessados nós realmente estamos nas pessoas com as quais nos relacionamos, interagimos, saímos ou conhecemos? Você tem se relacionado verdadeiramente com quem te faz companhia ou só tem batido ponto? Quando foi que ficamos tão egoístas e econômicos na hora de oferecer o afeto que todo mundo precisa desesperadamente mas ninguém está disposto a admitir ou oferecer? Quando foi que querer assistência virou capricho, mostrar que se importa ficou dispensável e se envolver mais (ou direito) virou crime? Eu não tenho resposta pra nada disso mas ficam aqui as perguntas pra te obrigar a pensar a respeito e rever suas posturas, assim como eu tô tentando fazer.

Vamos todos dar as mãos e simular um abraço coletivo porque tá sobrando conexão, mas estão faltando vínculos. Alguém arranja a senha desse wi-fi, urgente!

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram

assinaturas 2015-03



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/ninguem-ta-sozinho-mas-ninguem-ta-ok/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




bem-ali-com-o-cha category image
23 de novembro de 2015

Eu AMO massa. Comida italiana em geral me deixa com água na boca! Por isso, assim que eu soube ser essa era a especialidade do restaurante do Chef Tony, quis ir lá. Logo que inaugurou eu passava na frente paquerando mas me intimidava com o pensamento “deve ser caro, não é pro meu bico!”. Então usei minha estratégia preferida para conhecer lugares legais: ter um bom motivo ou uma comemoração especial como pretexto. Então levei minha melhor amiga, no dia do aniversário dela, para conhecer comigo!

A primeira impressão foi uma pessoa abrindo a enorme porta de madeira para nos receber. Me senti super querida e aguardada! (coitada). Como as pessoas aparentemente almoçam super tarde, chegamos às 13h e tinham várias mesas disponíveis. Ficamos em uma próxima à janela pois tenho síndrome de cachorro e gosto de ficar observando a rua. Prontamente surgiu um garçon nos oferecendo cardápios e passamos aproximadamente 5h (ironia) tentando escolher um prato entre as opções maravilhosas.

massa

Escolhemos uma opção com filé

Escolhemos um prato só, que servia 1 pessoa. Geralmente os pratos que dizem servir 1 pessoa, servem 2 e os que dizem servir 2 pessoas, servem 3! Preferimos pedir um e, caso fosse uma porção realmente pequena, pediríamos outro, mas ficamos satisfeitas com um só e sobrou apetite para a sobremesa. Escolhemos as duas de maior saída – segundo o garçon – e adoramos.

Vale ressaltar que, se você come muito, é melhor pedir um prato SÓ para você. Apesar de nós termos dividido um prato que servia apenas 1 pessoa, depois que o garçon serviu uma parte para cada uma nós não pudemos repetir (porque acabou, mesmo!). Então realmente o prato que dizem servir 1 pessoa, serve UMA pessoa (muito bem). Se eu quisesse sair rolando de lá, teria optado por pedir outro prato, e não sobremesa.

Brownie do Chef e a sobremesa de limão que não lembro o nome

Brownie do Chef e a sobremesa de limão que não lembro o nome

#Pontos positivos
– Funcionários super simpáticos. Tive a impressão de serem profissionais realmente treinados para atender o público e só quem mora em Manaus sabe o quanto essa sensação é rara por aqui;
– O ambiente é aconchegante e conta com uma boa iluminação natural, por ser cercado por janelas de vidro;
– Paladar maravilhoso! Molho leve, massa gostosa e prato tão saboroso quanto parece nas fotos;
– A apresentação das sobremesas é tão bonita quanto o sabor é bom.

#Pontos negativos
– Quando utilizei o número de whatsapp anunciado nas redes sociais do estabelecimento para fazer reservas, fui bem atentida e prontamente consegui fazer a minha. PORÉM, ao chegar lá, não constava nenhuma lista de reserva. Por ser um sábado, não foi problema, mas se fosse um dia movimentado, isso poderia comprometer a comemoração programadal;
– É acessível mas não tanto a ponto de eu poder voltar toda semana. Isso é um ponto negativo pois: eu gostaria de voltar vezes o suficientes para experimentar todo o menu!

Fotos retiradas da fanpage

Fotos retiradas da fanpage

 

Como eu sei que muita gente gosta de ter uma breve noção de quanto gastaria em um restaurante antes de ir lá, vou falar em número$. No nosso caso, que pedimos uma massa com filé para 1 pessoa, 2 sobremesas, 1 suco e 1 refrigerante, a conta deu pouco mais de R$100,00. Se fosse rachar, sairia cerca de R$53 pra cada. Haviam pratos mais caros que o nosso e os valores dos pratos que servem 2 pessoas, obviamente, são maiores. Mas eu recomendaria o lugar porque a comida é ótima e o atendimento também. O investimento vale a pena!

DICA DE OURO: eu não sabia, mas eles tem um rodízio de massa no valor de R$37,90 de segunda a sexta no almoço e às terças e quartas no jantar. Na fanpage tem mais detalhes. Para quem não sabe onde fica esse restaurante, é “na rua dos bares” no Vieiralves. Passando o Gargalo, é na esquina logo em frente ao Bar do Elon, quase ao lado do Boteco do Jef. Também tem unidade no shopping Sumaúma.

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram

assinaturas 2015-03

 



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/cantina-do-chef-tony/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




Olha só quem está de volta! A hashtag #quintacult estreou semana passada aqui onde eu (Klyo) me apresentei e apresentei a vocês minha sugestão de “Um filme MUITO bom“. Dessa vez a dica é diferente mas muito útil! Sabe aquele ditado “Não se deve julgar o livro pela capa”?. Se adaptarmos ao universo do cinema, a frase seria a mesma do título desse post.

Depois de ver “Os intocáveis”, eu e Nana tratamos de escolher outro filme pouco conhecido que despertasse nossa curiosidade . Logo nos deparamos com essa pérola no Netflix. O que seria isso? Uma adaptação da Belo Adormecida adulta para os cinemas? Uma crítica? Releitura? Que seja! Essa associação ao universo Disney com uma pegada realista nos atraiu. Lemos a sinopse, que nos informou pouco e causou certa estranheza, mas preferimos ignorar isso e assistir o filme para tirar nossas conclusões.

beauty1

“Sleeping Beauty” (Beleza Adormecida no Brasil), baseado na história de uma garota que trabalha como garçonete, ajudante administrativa e servente sexy de festas de senhores com dinheiro. O papel principal é da atriz Emily Browning, que interpreta Lucy (ou Melissa, ou Sara). É, definitivamente, um drama com uma atmosfera muito esquisita, e mostra uma jovem completamente inconsequente que arranja um novo emprego bem suspeito.

Um dos vários empregos que ela arranja ao longo do filme

Um dos vários empregos sem noção que ela arranja ao longo do filme

O filme tenta ser detalhista mas acaba sendo insuportável, a vontade de pegar no sono ou desistir de assistir só não se efetivou porque eu e a Nana ficávamos rindo e imaginando o porquê daquela narrativa bizarra e história sem sentido tem quase DUAS estrelas no netflix e ainda ser recomendado em alguns sites. A história é basicamente um retrato assustador da vida de uma garota que vive de um emprego ao outro, (e nós não entendemos como 24 horas de um dia conseguem abranger todas as suas atividades) e que é envolvida em um trabalho relacionando prazer, fetiches mórbidos, ‘modelitos’ insinuantes e ainda por cima ser drogada com soníferos fortíssimos toda noite para satisfazer velhinhos (nojentos) que se aproveitam da situação (de ela estar capotada dormindo lindamente – sem babar e se mover)…

 

Existe um Oscar para quem consegue manter sa mesma expressão durante um filme inteiro?

Existe um Oscar para quem consegue manter a mesma expressão durante um filme inteiro?

 

A atriz/barra) personagem (afinal não dá pra entender aquilo como atuação) passa o filme todo com “cara de paisagem” – e quando é exigida alguma emoção, ela simplesmente não convence. O filme não tem propósito, não tem sentido, não tem bons diálogos, nem boas histórias e também não tem emoção. Com o foco na protagonista tentamos entender uma história que é um absurdo completo. Com direito a um nu frontal (totalmente desnecessário, mas cômico) de um senhorzinho de mais de 70 anos de idade, o filme se torna cansativo e bem cafona em quase todas as cenas.

O emprego mais bizarro, que dá nome ao filme!

O emprego mais bizarro, que dá nome ao filme!

E porquê afinal de contas resolvi citá-lo aqui? Primeiro porque eu sou MUITO legal e gostaria de adverti-los, segundo porque a maioria dos “cult”, admiradores de “bons” conteúdos e amantes da indústria esquisita do mundo parecem gostar dessa porcaria cinematográfica e terceiro porque eu queria dizer que se um filme não me traz boas histórias, sorrisos, bons diálogos, BOAS interpretações, até mentira doida, super-héroi, ficção, medo ou qualquer sentimento, ele não é um bom filme. (só vale a companhia mesmo).

A dica final desse post é: na dúvida, leia as críticas e não a sinopse! Enquanto assistia ao filme, já com total estranheza ao enredo apresentado, eu parei para pesquisar pelo celular algumas críticas e vi, pelas descrições, que viria mais bizarrice pela frente. Só não parei de assistir ali mesmo por questão de honra (começou, tem que terminar) mas certamente não teria nem perdido tempo se tivesse lido as críticas antes.

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram

assinaturas 2015-05



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/nao-julgue-o-filme-pela-sinopse/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




A época mais linda do ano chegou! Wee! E mesmo que não seja um dos melhores anos para a economia do país, o orçamento tenha diminuído ou você esteja tentando burlar o culto ao consumismo e voltar à verdadeira essência do Natal, ainda é possível presentear quem amamos.

tumblr_my12wnj0GV1qft49to1_500

Vem ver as 7 dias que separamos para presentear em tempos de crise!

#1 Elabore uma lista de pessoas para presentear

Não tem como comprar presente sem saber quem vai presentear, não é mesmo?! E nada melhor do que listar essas pessoas queridas para não esquecer de ninguém. Inclua mãe, pai, irmão, filho, namorado, parentes e amigos. Vai presentear o chefe ou a tia da limpeza? Inclua-os também! (Achei o planner, da imagem abaixo, para baixar aqui).

#2 Defina um orçamento

É muito importante saber quanto você tem para investir nos presentes, assim você consegue estipular o quanto vai gastar com cada um da sua lista. Depois de estipular o orçamento, não exceda o valor e nem faça dívidas para o ano que vem. Lembre-se das férias e de todos os impostos e taxas que mudam com a virada do ano. Já tem um orçamento em mente? Então segue para a próxima dica. Se ainda não tem, faça um! Analise seus gastos mensais, valor do décimo terceiro salário e veja o quanto pode investir nos presentes.

#3 Vá as compras com antecedência

Não espere chegar dezembro para fazer as compras, as lojas ficam lotadas e os valores sobrem. Se você já tem uma lista de quem vai presentear, pode aproveitar algumas promoções. Final de novembro tem a Black Friday!

#4 Pague à vista

Quem não sabe sobre as altas taxas de juros cobradas pelas administradoras de cartões quando parcelamos? Há lojas que podem dar excelentes descontos para pagamentos à vista e em dinheiro. Organize em envelopes identificados o dinheiro reservado para os presentes, assim você estipula quando gastar com cada presente. O segredo de usar apenas dinheiro é que não dá para extrapolar o orçamento, mesmo que você tenha vontade!

presentes#5 Compre presentes iguais

Quem disse que tem problema dar presentes iguais? Eu acho uma ideia muito esperta se usada com criatividade. Considere dar presentes iguais para suas tias, amigos, colegas de trabalho, prestadores de serviços ou até mesmo crianças. Você pode optar por biscoitos, chocolates e panetone ou comprar em lojas de atacados alguns objetos de decoração e acessórios. Tenho certeza que você irá economizar algum dinheiro fazendo isso.

#6 Faça você mesmo

Por que não presentear com algo que você mesma fez? Use sua criatividade e habilidades manuais, você economiza e torna único e exclusivo o presente. Clica aqui e veja nossos tutoriais, tem vários opções de DIY para presente.

#7 Sugira presentes alternativos

Que tal utilizar o valor do presente em um passeio, um jantar, bons drinks ou mesmo uma girl’s night? Pode ser uma opção ótima de presente, tendo em vista que o grande significado do espírito natalino é compartilhar energia positiva e viver bons momentos!

Não é porque o orçamento no Natal desse ano está menor que você precisa desistir de presentear pessoas queridas. Mesmo assim pode ser um temporada cheia de alegria e boas lembranças.

E vocês, tem alguma ideia de presente de Natal? Deixa aqui nos comentários, vamos adorar saber!

Ah, e falando em presentes…você é fã de Star Wars? Corre aqui pra ver o sorteio que vamos fazer de bonecos handmade da princesa Leia e Darth Vader. O resultado sai dia 30/11, corre lá!

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram
assinaturas 2015-01



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/7-dicas-para-presentes-de-natal-em-tempos-de-crise/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




bem-ali-com-o-cha category image
16 de novembro de 2015

Fomos convidadas neste fim de semana para degustar o menu novo que o Borogodó (que pode ser definido como “bar evento” ou “restaurante secreto” como eles mesmos explicam) criou para o próximo evento gastronômico <3

O local tem uma decoração rústica bem bonita, tudo de madeira, combinando bem com o mote de ser feito em casa. Já fomos nos aconchegando e estávamos ansiosas para provar tudo após ler o menu!

IMG_7047

IMG_7040

IMG_7039

Logo veio o primeiro prato: bolinho de tucupi – e que delícia de bolinho minha gente! Era por inteiro empanado com farinha do uarini, que todo bom nortista aprecia mais do que ouro né? O prato foi uma entrada bem delicada, servido com molho de pimenta bem leve, mas de gosto forte o suficiente pra ser percebido.

IMG_7022

Um tempo depois chegou o segundo prato, “Derruba homem”, bem forte como o nome sugere, feito de molho bolonhesa, quejo e polenta (nhaaamnn!), como uma sopa cremosa, delicioso como vocês devem estar percebendo só pela foto hehe.

IMG_7023

O terceiro prato foi o “Coração na cama de farofa de bacon”, que poderia ser um prato aparentemente muito simples se não fosse o detalhe de os corações de frango estarem temperados com molho shoyu e a farofa de bacon estar bem quentinha e muito saborosa. Limpamos o prato!

IMG_7026

O quarto e último da noite foi a Carne de sol, acompanhada de purê de abóbora e cogumelo shitake (momento de gritinhos de emoção, shitake é vida!). Agora prestem atenção na apresentação deste prato: tudo muito bem arrumado e com pitadas de sal marinho nas folhagens. Vocês sabem que metade do sabor de um prato vem da apresentação dele né? Nota dez pra preciosidade da apresentação e preparo dos ingredientes 😀

Fotor_144755487332434

IMG_7043

Pra fechar com chave de ouro esta noite maravilinda de degustação, eis que surge a sobremesa: X-cake, o cheesecake com calda de banana (NHAAAMN!). A gente achava que sabia preparar um cheesecake. Achamos errado, muito errado. Esse X-cake estava inacreditável de tão bom, com massa suave (não dava nem pra lembrar que havia algo de queijo ali) e uma calda de banana de dar dó de deixar qualquer vestígio no prato. Foi como uma das cenas de Ratatouille, com fogos de artifício ao fundo ao provar algo tão bom!

IMG_7037

IMG_7038

Recomendamos muito quem ainda não conhece e aprecia uma comida bem feita, a comprar o ingresso para o próximo evento, que será dia 19/12. O Borogodó ainda irá avisar por meio das redes sociais (Instagram e Facebook) os pontos de venda, fiquem atentos!

Por fim, muito obrigada ao Borogodó pelo convite e ótimo atendimento, sem dúvidas voltaremos mais vezes <3

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/borogodo-feito-em-casa/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




dicas-2 category image
12 de novembro de 2015

E eis que finalmente eu recebo o convite (que esperei uns anos para receber) de escrever para o blog das minhas phynas amigas (como convidada – não me mandem olho gordo de inveja, eu ainda não sou uma phyna). Como eu não abro mão do meu posto de única melhor amiga da Nâna (deu para sentir o ciúme?) decidi no mês de férias do curso de Francês dela e da minha vida corrida de professora, chamá-la para assistir um filme em francês (para ela aproveitar e treinar), e então a quinta-feira ganhou novo significado no mês de julho: decidimos reservar esse dia da semana para vermos filmes e matar a saudade. Nossa #quintacult começou com um filme MUITO bom e que me serviu de incentivo para escrever como minha primeira dica.

intouchables21

Intouchables, Intocáveis (no Brasil) é considerado um dos filmes mais rentáveis na história da França (talvez por ser fabuloso). Coisas simples me fascinam e a história é de uma simplicidade tamanha, sem enrolação, sem muito drama mas muita emoção, sem grandes efeitos e com uma pitada exata de humor. O filme é baseado na história real do empresário Philippe Pozzo di Borgo e aborda a construção da sua amizade com o argelino Abdel Yasmin Sellou. E nada melhor do que assistir um filme que define tão bem o conceito de amizade com sua melhor amiga (que amor!) .

intouchables11

Os dois personagens principais são duas pessoas que vivem em mundos diferentes e que de tão opostos encontram razão suficiente para construir uma grande amizade. Um é rico, meio mau humorado e tetraplégico: Philippe (interpretado pelo ator François Cluzet) e o outro é problemático, desbocado, sem filtro algum e pobre: Driss (interpretado por Omar Sy). E é através dessas diferenças e com humor honesto sobre desigualdades (físicas e sociais) que eles atuam brilhantemente. As desigualdades sociais e raciais não são o foco do filme, o foco é a relação entre Philippe e Driss, por isso a sintonia entre os protagonistas (e o modo como a percebemos) é o maior trunfo do filme. E por focar no relacionamento de dois amigos extremamente diferentes, a obra é uma divertida e melancólica maneira de mostrar a capacidade humana de superar diferenças, de mostrar que a admiração recíproca vai além de se alcançar padrões.

The-Intouchables-Movie-Poster

O filme mostra que de maneira sincera (e singela) as relações podem ser construídas com confiabilidade, respeito e outras qualidades admiráveis que todos somos capazes de alcançar. Intocavéis é o retrato real de uma verdadeira amizade (aquela onde um aceita o outro pelo que ele verdadeiramente é). Não existe reviravoltas dramáticas exageradas, planos malignos, mentiras e coisas do gênero (que a maioria dos filmes americanos mostram quando assunto é amizade). Os problemas apresentados são reais, sendo a visão sobre eles mais positiva do que qualquer outra coisa, nos emociona na medida certa e, acima de tudo, nos faz rir. Super recomendado.

Ficou curioso(a)? O trailer em HD vocês podem ver clicando aqui e o filme está disponível no Netflix! Espero que tenham gostado da dica pois semana que vem tem mais!

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram

assinaturas 2015-05



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/um-filme-muito-bom-quintacult/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
2 comentários




opiniao-2 category image
10 de novembro de 2015

O título desse post é culpa de uma paródia mental que fiz de Mamonas Assassinas trocando um dos versos da música Robocop Gay por “gordinha também pode, não tem que disfarçar!”. Não tô aqui pra falar sobre padrões e imposições sociais chatas, pois nós já falamos sobre isso antes. Só acho um porre se privar de aderir ao que está na moda por medo do que vão achar ou por se sentir insegura com o seu corpo.

Eu não posso dizer que sei o que é estar acima do peso e ser cobrada por isso mas eu sei o que é estar abaixo e sentir que não tenho direito de usar shortinho porque “minhas pernas são finas demais” (pra quem?!). Então se você não tem barriga chapada, não é fitness, tá com uns quilinhos a mais (para os padrões sociaizzzZZZzz) e PENSA que não PODE ou não DEVE usar cropped top, minha amiga: vamos descontruir essa ideia hoje mesmo!

 #Não precisa mostrar tudo:

11713901_10153110797306429_2043192144745226990_o

Musas do Girls With Style

Um dos piores pesadelos da maioria das mulheres é mostrar a barriga. Mas pra usar cropped não precisa mostrar TUDO. Até porque umbigo de fora – sem ser na praia – é tão anos 90! A ideia é mostrar uma faixa de pele, que não precisa ser grande! Conjuntinhos de cropped + saia cintura alta são ótimos e não dão tanta paranoia, né?

#Faça sobreposições

Nadia Aboulhosn, incrível!

Nadia Aboulhosn, incrível!

A ideia do cropped sozinho intimida? Isso não te impede de usar. Cardigãs, coletes, blazers, casaquinhos podem te ajudar a deixar o visual mais sofisticado, mais despojado ou mais o que você quiser. Basta combinar as peças certas, que as possibilidades de variações são enormes e fica super interessante visualmente.

#Não precisa ser apertado

Ju Romano

Ju Romano, diva! Maravilhosa!

Já sei, já sei. A ideia de um tecido elástico marcando cada célula do seu corpo não te agrada muito, né? Mas os croppeds podem ser mais casuais! Camisas soltinhas cortadas na altura da cintura também são croppeds interessantes. Você pode até usar uma calça cintura alta e cropped por cima. Mesmo que ele não deixe a pele tão a mostra quando um mais justo, ainda tá dentro da tendência e cheio de estilo

#Aposte nos cortes “certos”

Nadia Aboulhosn divando de novo

Nadia Aboulhosn divando de novo

Alguns cortes de roupas reforçam as curvas naturais que você já tem e, ao mesmo tempo, podem tirar o foco de detalhes que você não quer destacar. Por exemplo, o tipo de corte cruzado do crooped top aí em cima, reforça ainda mais o visual curvilíneo. Percebem que as linhas da lateral afinam a cintura por estarem posicionadas diagonalmente pra baixo. Ao mesmo tempo equilibram as linhas do ombro, deixando tudo em harmonia!

A moda TEM que ser democrática e sempre que ele parecer não ser, OBRIGUE-A! Todo mundo pode usar cropped, sim! Espero que esse post ajude a expandir horizontes de quem adora essa tendência mas andava insegura para aderir.
Adapte a moda às suas necessidades, preferências e ao seu estilo e seja feliz! <3

 

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram
assinaturas 2015-03



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/gordinha-tambem-pode/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




turismo-2 category image
5 de novembro de 2015

Quem não tem a flexibilidade de viajar várias vezes ao ano e fica preso a um mês de ferias pré-definido costuma passar o ano inteiro esperando por ele para finalmente relaxar. A espera parece eterna! Mas nós podemos burlar isso!

Viajar no feriado é uma saída mas, sejamos realistas: as filas de aeroportos estão maiores, estradas mais engarrafadas e preços mais altos. Então, quer escapar da rotina sem estresse e sem comprometer o bolso por vários meses? Viaje em um fim de semana aleatório! De preferência na madrugada de quinta pra sexta!

É automático pensar “poxa, mal dá pra curtir, é pouco tempo…” mas eu resolvi me aventurar na ideia e me dei um fim de semana no Rio de Janeiro, chegando 6ª de manhã e partindo domingo a tarde. Agora vou dividir as dicas com vocês!

rio

Escolha bem esse voo, queridinha!
Na ânsia por comprar passagens baratas e usar só milhas, você pode se enrolar! Eu, por exemplo, comprei uma passagem com conexão em Guarulhos e fui de ônibus até Congonhas pegar o outro voo ao Rio. Prefira pagar um pouco mais em voos com poucas ou nenhuma conexão, pois vai valer a pena! Você só tem o fim de semana e não quer chegar ao destino já cansado, né?  Aliás, se tiver conexão, certifique-se de que o tempo entre os voos será razoável porque se o primeiro atrasar, ainda dará tempo de pegar o segundo sem correria. Já pensou perder o voo e ter que reagendar seu embarque? Lá se foi um dia ou, pior, o fim de semana todo, sem contar os gastos extras não programados! Que morte horrível de um sonho!


Não transforme a bagagem em um problema.
Tá arrumando a mala e é homem? Não esqueça as meias! É mulher? Coloque tudo que acha que vai precisar e tire a metade!! Brincadeira, muitas de nós somos práticas na hora de fazer as malas e é assim que devemos ser em viagens curtas. Leve o NECESSÁRIO. Em excesso só roupa íntima, ok? Chapinha e secador ocupam espaço e tempo. Recorra a tranças embutidas, coques altos, rabo de cavalo, creme anti frizz ou o secador perebento do hotel. Leve peças faceis de combinar, jeans e cores neutras. E, dica de ouro: prefira malas pequenas que de para levar como bagagem de mão. Esperando a mala que despachei no primeiro voo eu quase perdi a conexão pro segundo! Nos voos seguintes não despachei mais, levei no avião. Se fosse uma mala gigante eu não poderia fazer isso.

 

Planeje MUITO ou não planeje NADA
Se você é metódico e gosta de programar as 24h do dia em viagens para obter 100% de aproveitamento,(se trate e aprenda a relaxar!)pesquise bem todos os locais que quer visitar, cheque se estarão abertos naquele dia, se aceitam cartão e carteirinha de estudante e quanto tempo gastará lá e no deslocamento. Se você não é bom em planejamento: NÃO FAÇA. Evite a frustração! Podem acontecer imprevistos, o estadio não estar aberto a visitas, estar frio no “dia da praia” e o restaurante que você quer ir estar fechado (não que isso tenha acontecido comigo…) então esteja aberto a ideias e pronto pra qualquer coisa! Inclusive nada. As vezes o improviso sai melhor do que a encomenda! Relaxe, oras.

 

Não sejam bestas!
Essa regra é uma indireta pra mim, que sou muito lesa e afobada, me perco em metros por não ter noção espacial, passo o dia fora sem lembrar de levar o carregador do celular, não confiro o pacote de internet do celular antes de viajar e lembro de levar chapinha mas esqueço de levar meias. Então a dica é basicamente: não seja a Mayana. Faça melhor que isso e esteja certo de que não importa quantos check lists você fez antes da viagem, vai acabar esquecendo alguma coisa. Apenas torça pra não ser algo muito importante.


Antecipe despesas
São só 3 dias, 2 diárias de hotel! A vantagem é que você pode ostentar ficando num lugar maravilhoso sem ter que vender o rim! Mas, para isso dar certo, reserve o hotel com antecedência e, se possível, pague antes de ir! Está sem roupa de praia ou sem casaco de frio? Precisa renovar a mala? Tudo que você puder comprar ou pagar no mês anterior ao da viagem, melhor! Assim você diliu as despesas e vai acabar nem sentindo impacto no orçamento. O mundo não é dos espertos, é dos preparados! (pareceu funk mas é filosofia! #MCmayana)

Aproveito para deixar esse link old-but-gold que todo viajante deveria ver uma vez na vida. É só clicar e soltar uns “como não pensei nisso antes?”. De nada! CLICA AQUI!

Espero ter ajudado alguém com esse post e inspirado você que está aí trancado num escritório ou entediado com a vida a procurar passagens para o próximo melhor fim de semana do ano, que pode ser qualquer um em qualquer canto 😉

Tripulação, portas em automático e até a próxima!

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram

assinaturas 2015-03



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/manual-para-viagens-curtas/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
1 comentário




dicas-2 category image
3 de novembro de 2015

O post de hoje tem um misto daquele cheirinho de livro novo com aquela sensação maravilhosa de estourar plástico bolha de uma encomenda que acabou de chegar pelo correio e que a gente tava esperando há um tempão, sabe?

Pois essa encomenda, como vocês devem ter notado, é o novo layout do nosso blog ♥
Como vocês já devem ter percebido, o blog ficou fora do ar por um tempinho e já estávamos mais que ansiosas para que ele voltasse! O motivo dessa temporada fora do ar é que estávamos preparando novidades pra vocês! O blog passou por mudanças no layout e voltou repaginado e com cara nova, aiqueamor!

Já fazia mó tempão que estávamos querendo mudar e eis que, depois de taaantas conversas, opiniões, pesquisas e reuniões conseguimos concretizar isso!

Bom, mas o que mudou?!
A nossa intenção foi manter a identidade do blog, mas modificar o layout propriamente dito e melhorar as funcionalidades dele, como a navegabilidade e a facilidade de acesso aos posts. Pensando nisso agora temos ícones específicos para cada categoria de posts, o que facilita pra vocês terem acesso a todos os posts de uma mesma categoria, por exemplo. Só clicar no ícone :)

categorias

No rodapé de cada post tem três posts relacionados. O que facilita encontrar mais conteúdo com o mesmo tema. Além de comentário via facebook, o que amplia as chances de termos feedback de vocês e facilita nossa conversa e troca de idéias.

printcha

Outra novidade é que agora também temos espaços bonitinhos para anunciantes: no cabeçalho e na barra lateral, tudo organizadinho.

espacoanuncio

Nessas mudanças contamos com gente muito legal e profissional do nosso lado!
Uma delas foi a designer Jess Quirino (super recomendamos!) que foi a responsável pela modificação visual do blog. Além de ótima profissional ela é super atenciosa, uma querida mesmo ^.^
Claro que pra brindar e combinar com o novo layout fizemos um ensaio com o queridíssimo Rodrigo Torii e sua equipe do Studio Lumi. A gente ama o trabalho deles (só fazem fotos maravilhosas!) e não podíamos deixar de fazer registros dessa nova fase do blog. A equipe do studio Lumi além de nossa parceira é também toda muito querida e que não cansamos de recomendar e elogiar!

MK3_7249_edit

Uma das fotos do ensaio com a equipe do Estudio Lumi. Amamos todas! ♥ {foto de Rodrigo Torii}

Nós quatro estamos muito felizes com o resultado e esperamos que vocês gostem tanto quanto a gente do nosso espacinho. Agora queremos a opinião de vocês, se tem alguma ideia pra nos dar, toda opinião de vocês é sempre muito bem vinda! Queremos saber: E aí, o que acharam!?

Ps. Tivemos alguns probleminhas com o backup do WordPress e alguns posts não estão aparecendo. Já estamos cuidado disso para que logo se normalize. Mas a saudade era tanta que resolvemos voltar logo!

Curtiu o post? Então mostre seu amor e compartilhe! ♥
Acompanhe o Chá nas redes-sociais!
Facebook | Instagram



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/layout-novo-%e2%99%a5/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!