Home Sobre o Blog Quem somos Contato Midia Kit Categorias


diy category image
29 de setembro de 2014

Hey Phynos!

O tutorial de hoje é do tamanho da necessidade. Quem nunca deixou os cartões espalhados pela bolsa? Já tinha um tempinho que isso me incomodava e resolvi da forma mais divertida: fazendo DIY, claro! haha!

É bem simples de fazer, não tem muito gasto com material e fica lindo.

materiais

Você vai precisar de:

  • Feltro;
  • Cola para tecido;
  • Spike;
  • Velcro;
  • Pincel;
  • Tesoura;

Agora, mãos a massa!

1

O primeiro passo é desenhar o molde do porta cartão no feltro e recortar. (Download do Molde Porta Cartão.)

Depois de recortado, passe a cola de tecido nas pontas da lateral, como mostra na imagem, e deixe secar.

Quando estiver bem seco e colado, prenda os spikes na direção do corte.

2

Após prender todos os spikes, cole o velcro cortado em formato quadradinho, sendo um lado colado no centro do porta cartão e o outro lado na ponta. Espere secar bem e prontinho!

resultado

Super fácil, não é? Você pode variar o tamanho, as cores e aplicações conforme sua criatividade.

Espero que tenham gostado e que tentem fazer em casa.

AH! Compartilha com a gente usando #chadasphynas Vamos adorar ver o de vocês!

Beijos e queijos.

novas assinaturas-mari



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/diy-porta-cartao-de-feltro-2/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




diy category image
26 de setembro de 2014

OI, gente! Faz tempo que eu (Nâna) não apareço com um tutorial aqui mas dessa vez vim trazer um suuuuper fácil. Estava há tempos querendo uma travessa com um aplique que imitasse uma pena/folha (não me perguntem o por quê) então resolvi fazer uma e mostrar aqui o processo.

materiais

Você vai precisar de:
– Cola quente;
– Feltro na cor desejada;
– Tesoura;
– Lápis ou algo para marcar o feltro;

1

Primeiro, você vai desenhar no feltro o formato desejado. Pode ser um coração, flor e etc e não necessariamente essa pena de urubu (eu sei que vocês vão pensar isso) que eu escolhi fazer. Feito isso, é só cortar.

Corte também algumas tirinhas, caso o seu aplique seja comprido, ou uma rodela de feltro, caso seja redondo. Isso que irá servir de encaixe entre a travessa e o aplique. Quanto menor o espaço deixado, mais fixo à travessa o aplique fica.

2

Deixe a cola quente esquentando por uns 10min e então passe-a nas pontas das tirinhas ou nas bordas da rodela que você irá grudar no aplique. Pressione por um tempo o local colado e deixe secar por mais 10 minutinhos.

3

Pronto! É só encaixar à travessa. Dá para fixar melhor passando cola quente na travessa e colando o feltro de encaixe direto nela. Mas da forma que eu fiz você pode remover o aplique e colocar outros diferentes que você queira fazer, além de poder usar a travessa sem nada, quando tiver vontade! #versatilidade

chamada

E aí? Quem se anima a personalizar sua travessa? Se fizerem, postem com a hashtag #chadasphynas pra gente ver 😉

novas assinaturas-nana



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/diy-travessa-personalizada/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
6 comentários




É com grande satisfação e empolgação que anunciamos a Loja Griô como uma boa novidade para quem é fã de produtos artesanais 😉

Lindeza de site!

Lindeza de site!

O termo Griô tem origens africanas e está relacionado à cultura popular e à tradições repassadas oralmente; seguindo esse viés, a Griô tem por objetivo não apenas vender produtos, mas contar as histórias dos criadores – o que nós particularmente achamos incrível pois cada pessoa que cria tem muito o que dizer das suas fontes de inspiração, sua história até ali, tornando os produtos únicos.

criadores grio

E no site tem itens de criadores brasileiros e venezuelanos por enquanto, pois uma das ótimas idéias é o fato de que a Griô sirva de plataforma para que quem for um criador também possa contar sua história e vender seus produtos online! Portanto em breve poderemos ver cada vez mais diferentes criadores e criações por lá!

Falamos e falamos dos produtos mas cadê eles? Bom, aqui temos uma mostra dessa primeira coleção de itens a venda (se gostar de alguma coisa, corre porque não terá de novo hein? As vendas são por coleções!)

grio

<3

 

Você que adora produtos originais e feitos a mão: vai lá dar uma olhada!

Você que adora por o DIY em prática: vai lá dar uma olhada! E entrar em contato, rsrs

As novidades da Griô podem ser acompanhadas pelo Facebook|Instagram|Pinterest

 

Beijos, queijos e muito DIYs na vida!



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/evento-lancamento-da-plataforma-grio/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




Hey Phynos! Hoje tem ‘Na cozinha com o Chá’ muito amorzinho para quem gosta de café!

Duvidam fazer um café cremoso cheio de chame em três passos? É rápido, fácil de fazer e rende bastante. Olha só!

Você vai precisar de:

  • 50 g de café em pó solúvel;
  • 2 xícaras de açúcar;
  • Leite;
  • Chocolate em pó para decorar.

passos

1. Bata por 15 minutos o café solúvel e o açúcar até que fique em posto de creme. Coloque em um recipiente com tampa e leve para ao freezer.

2. Depois de gelar bem o creme, coloque uma colher de café para uma xícara de leite quente. Misture bem e sirva.

3. Para decorar é só cortar um pedacinho de papel com o desenho que quiser, colocar em cima da xícara e polvilhar com chocolate em pó.

10707879_967881239904486_451693075_n

Está vendo como são só dois passos super rápidos?! Ganhei a aposta, vai! HAHA!

Essa receita rende bastante, é só deixar armazenado no freezer e sempre que quiser esquentar um leitinho e misturar tudo que tá pronto!

Façam em casa e marca a gente com a #nacozinhacomocha e #chadasphynas se postar!

Beijos e queijos

novas assinaturas-mari



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/na-cozinha-com-o-cha-cafe-cremoso/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
4 comentários




Hey Phynos! Hoje tem ‘Na cozinha com o Chá’ muito amorzinho para quem gosta de café!

Duvidam fazer um café cremoso cheio de chame em três passos? É rápido, fácil de fazer e rende bastante. Olha só!

Você vai precisar de:

  • 50 g de café em pó solúvel;
  • 2 xícaras de açúcar;
  • Leite;
  • Chocolate em pó para decorar.

passos

1. Bata por 15 minutos o café solúvel e o açúcar até que fique em posto de creme. Coloque em um recipiente com tampa e leve para ao freezer.

2. Depois de gelar bem o creme, coloque uma colher de café para uma xícara de leite quente. Misture bem e sirva.

3. Para decorar é só cortar um pedacinho de papel com o desenho que quiser, colocar em cima da xícara e polvilhar com chocolate em pó.

10707879_967881239904486_451693075_n

Está vendo como são só dois passos super rápidos?! Ganhei a aposta, vai! HAHA!

Essa receita rende bastante, é só deixar armazenado no freezer e sempre que quiser esquentar um leitinho e misturar tudo que tá pronto!

Façam em casa e marca a gente com a #nacozinhacomocha e #chadasphynas se postar!

Beijos e queijos

novas assinaturas-mari



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/na-cozinha-com-o-cha-cafe-cremoso-2/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




Nem todos dominam a arte de economizar. E eu, particularmente sou daquelas que se quer sair, dá um jeito. Se pode, compra. Se alguém precisa, empresta. Se recebeu, quer comemorar no fim de semana. Se você também é assim, vamos aceitar nossa condição, nos abraçar e tomar algumas providências realistas juntos porque já chega desses posts com dica de economia que fazem a gente se sentir frustrado. Primeira coisa: ninguém vai convencer você a simplesmente parar de gastar da noite pro dia. Você precisa de uma motivação a curto ou médio prazo que te estimule a gastar menos. No meu caso quase sempre é uma viagem mas a sua pode ser a festa de casamento, a troca de celular ou laptop que você tem adiado ou a entrada em um carro, sei lá. Vamos às dica!

Tenha uma poupança

poupança

Não adianta. Se você colocar todo o seu dinheiro em uma conta que movimenta no dia a dia, vai acabar perdendo o controle do que gasta e não conseguindo poupar a parte pretendida. Guardar dinheiro em casa é legal para emergências mas em se tratando de economias é uma tentação muito grande e você pode acabar recorrendo a essa grana sem necessidade só por estar acessível. Mesmo tendo uma conta poupança, confesso que sempre enrolo pra sacar parte do salário em um banco e reservar um dia para ir ao outro banco depositar essa parte na minha poupança (uso Bradesco/Banco do Brasil para salário/cartão de crédito e a Caixa para poupança), daí acabo gastando e deixando pro mês que vem. Mas sempre que faço um trabalho extra (como designer freelancer) eu deposito o valor integral na poupança. A regra é essa: todo dinheiro extra que você receber no mês, bote na poupança. Não costumo fazer freelas com frequência mas já consegui juntar mais de R$1.000,00 por ano, o que é razoável para alguém que vira e volta saca dinheiro da poupança para fazer umas extravagâncias ou porque já gastou todo o salário (OPS). Aliás, evitem isso! Não tirem dinheiro da conta poupança a não ser para emergências, se não vira hábito e você acaba sabotando sua economia.

Invista no 0800

open

Eu adoro sair, socializar, ver gente e estar com os amigos. Então “deixar de sair” para economizar seria uma alternativa muito dolorosa para mim. Acontece que algumas boates não cobram entrada até determinado horário, outras permitem a entrada gratuita de quem colocar o nome na lista online e alguns barzinhos não cobram couvert artístico ou não tem atração musical (nada de couvert também) e você só paga o que consome. Também já perdi a conta de “botas dentro” e “botas fora” (aquelas festinhas universitárias para arrecadar grana) que eu fui por ter amigos do curso. Mas passei a evitar sair para lugares para os quais eu não teria carona ou que fossem longe demais de casa e a corrida de taxi desse maior que o valor da entrada/consumo. Por isso adoro festa 0800, boca livre, rolê com os amigos, aniversários e etc me chamem sempre, obrigada!

Evite gastos que possam ser evitados

vitrines

Não vou falar aqui para você deixar de gastar com superfluos porque eu estaria sendo hipocrita e detesto gente muquirana, que se priva demais! Mas aqui vão duas perguntinhas que podem ajudar a separar o que é evitável gastar do que não é: 1 – Dá pra eu fazer em casa?”. Se dá, então do it yourself. Foi assim que economizei mais de R$200 em salão e você que gasta R$25 por semana em manicure pode poupar R$100,00 mensais. Pra quem tem habilidades culinárias, em vez de sair para jantar num restaurante caro, prepara um jantarzinho intimista na sua casa. Em vez de gastar R$30,00 só para entrar numa boate, reuna os amigos no estilo “cada um traz sua bebida”. A mesma regra vale pra quem quer chamar a gatinha pra ver filme no fim de semana mas sabe que só o combo de pipoca e refri somado às entradas do cinema bancariam ingressos para o show do ano e por isso vale muito mais a pena ver filme de conchinha em casa. E: 2 – Posso ficar sem isso por mais um tempinho ou preciso mesmo agora? E foi assim que resisti a muitas compras online e vitrines de lojas. Nem tudo que você PRE-CI-SA você realmente precisa. Pense mais um pouco e reconsidere.

Cotas (não as polêmicas) e Apps

apps

Sabe aquelas pessoas super planejadas que viajam e estipulam uma cota diária de gastos para controlar bem o dinheiro? Dá pra aplicar o mesmo princípio na vida comum. Começou o mês? pague todas as contas e quite seus gastos fixos. O que sobrar, divida em 4. É o que você tem para gastar em cada semana. Parece simples mas muitas vezes extrapolamos sem perceber! Nesses casos, você desconta na cota da semana seguinte o valor extra que gastou nessa. Há uma variedade de apps para controle de gastos, onde você pode registrar todos os gastos diários e no final do mês ver com o que você mais gasta, qual sua receita/despesa mensal e até se surpreender notando que aquela besteirinha dispensável que você compra quase sempre, representa um gasto enorme quando contabilizado mensalmente. Graças a um desses apps (o Gestor de Gastos) eu percebi que estava gastado mais que que recebia e por isso vivia reclamando que “estava lisa”.

Venda o que não usa mais

enjoei

Isso vai parecer dica de viciado em drogas mas sempre dá pra fazer algum dinheiro com coisas que você tem em casa, estão esquecidas e poderiam ter mais utilidade se fossem convertidas em vendas! Foi assim que eu descobri que meu closet abrigava muitas roupas em ótimo estado mas que eu não usava porque já não tinham o meu estilo ou não havia ocasião. Então criei uma conta no enjoei.com (#merchan) e já consegui vendar algumas coisas. O lucro das vendas pagará minha hospedagem na próxima viagem 😉 e, ah! não me levem a mal. Eu costumo doar muitas coisas. As que estou vendendo são mais no estilo “pra festa”. Você também pode usar classificados online ou outros portais como o bomnegocio.com (#merchan quero cota!) e vender aquele celular antigo que engavetou e pensa que ninguém iria querer comprar. Acredite, as pessoas compram de tudo pela internet!

Esse post ficou longo demais pois, aparentemente, além de dinheiro tenho dificuldade em economizar palavras. Mas espero que ajude vocês e tenha servido de alguma coisa, se não eu só gastei tempo… e tempo é dinheiro… e eu PRECISO economizar!

novas assinaturas-nana



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/dicas-como-economizar-quando-nao-se-e-bom-nisso/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




Nem todos dominam a arte de economizar. E eu, particularmente sou daquelas que se quer sair, dá um jeito. Se pode, compra. Se alguém precisa, empresta. Se recebeu, quer comemorar no fim de semana. Se você também é assim, vamos aceitar nossa condição, nos abraçar e tomar algumas providências realistas juntos porque já chega desses posts com dica de economia que fazem a gente se sentir frustrado. Primeira coisa: ninguém vai convencer você a simplesmente parar de gastar da noite pro dia. Você precisa de uma motivação a curto ou médio prazo que te estimule a gastar menos. No meu caso quase sempre é uma viagem mas a sua pode ser a festa de casamento, a troca de celular ou laptop que você tem adiado ou a entrada em um carro, sei lá. Vamos às dica!

Tenha uma poupança

poupança

Não adianta. Se você colocar todo o seu dinheiro em uma conta que movimenta no dia a dia, vai acabar perdendo o controle do que gasta e não conseguindo poupar a parte pretendida. Guardar dinheiro em casa é legal para emergências mas em se tratando de economias é uma tentação muito grande e você pode acabar recorrendo a essa grana sem necessidade só por estar acessível. Mesmo tendo uma conta poupança, confesso que sempre enrolo pra sacar parte do salário em um banco e reservar um dia para ir ao outro banco depositar essa parte na minha poupança (uso Bradesco/Banco do Brasil para salário/cartão de crédito e a Caixa para poupança), daí acabo gastando e deixando pro mês que vem. Mas sempre que faço um trabalho extra (como designer freelancer) eu deposito o valor integral na poupança. A regra é essa: todo dinheiro extra que você receber no mês, bote na poupança. Não costumo fazer freelas com frequência mas já consegui juntar mais de R$1.000,00 por ano, o que é razoável para alguém que vira e volta saca dinheiro da poupança para fazer umas extravagâncias ou porque já gastou todo o salário (OPS). Aliás, evitem isso! Não tirem dinheiro da conta poupança a não ser para emergências, se não vira hábito e você acaba sabotando sua economia.

Invista no 0800

open

Eu adoro sair, socializar, ver gente e estar com os amigos. Então “deixar de sair” para economizar seria uma alternativa muito dolorosa para mim. Acontece que algumas boates não cobram entrada até determinado horário, outras permitem a entrada gratuita de quem colocar o nome na lista online e alguns barzinhos não cobram couvert artístico ou não tem atração musical (nada de couvert também) e você só paga o que consome. Também já perdi a conta de “botas dentro” e “botas fora” (aquelas festinhas universitárias para arrecadar grana) que eu fui por ter amigos do curso. Mas passei a evitar sair para lugares para os quais eu não teria carona ou que fossem longe demais de casa e a corrida de taxi desse maior que o valor da entrada/consumo. Por isso adoro festa 0800, boca livre, rolê com os amigos, aniversários e etc me chamem sempre, obrigada!

Evite gastos que possam ser evitados

vitrines

Não vou falar aqui para você deixar de gastar com superfluos porque eu estaria sendo hipocrita e detesto gente muquirana, que se priva demais! Mas aqui vão duas perguntinhas que podem ajudar a separar o que é evitável gastar do que não é: 1 – Dá pra eu fazer em casa?”. Se dá, então do it yourself. Foi assim que economizei mais de R$200 em salão e você que gasta R$25 por semana em manicure pode poupar R$100,00 mensais. Pra quem tem habilidades culinárias, em vez de sair para jantar num restaurante caro, prepara um jantarzinho intimista na sua casa. Em vez de gastar R$30,00 só para entrar numa boate, reuna os amigos no estilo “cada um traz sua bebida”. A mesma regra vale pra quem quer chamar a gatinha pra ver filme no fim de semana mas sabe que só o combo de pipoca e refri somado às entradas do cinema bancariam ingressos para o show do ano e por isso vale muito mais a pena ver filme de conchinha em casa. E: 2 – Posso ficar sem isso por mais um tempinho ou preciso mesmo agora? E foi assim que resisti a muitas compras online e vitrines de lojas. Nem tudo que você PRE-CI-SA você realmente precisa. Pense mais um pouco e reconsidere.

Cotas (não as polêmicas) e Apps

apps

Sabe aquelas pessoas super planejadas que viajam e estipulam uma cota diária de gastos para controlar bem o dinheiro? Dá pra aplicar o mesmo princípio na vida comum. Começou o mês? pague todas as contas e quite seus gastos fixos. O que sobrar, divida em 4. É o que você tem para gastar em cada semana. Parece simples mas muitas vezes extrapolamos sem perceber! Nesses casos, você desconta na cota da semana seguinte o valor extra que gastou nessa. Há uma variedade de apps para controle de gastos, onde você pode registrar todos os gastos diários e no final do mês ver com o que você mais gasta, qual sua receita/despesa mensal e até se surpreender notando que aquela besteirinha dispensável que você compra quase sempre, representa um gasto enorme quando contabilizado mensalmente. Graças a um desses apps (o Gestor de Gastos) eu percebi que estava gastado mais que que recebia e por isso vivia reclamando que “estava lisa”.

Venda o que não usa mais

enjoei

Isso vai parecer dica de viciado em drogas mas sempre dá pra fazer algum dinheiro com coisas que você tem em casa, estão esquecidas e poderiam ter mais utilidade se fossem convertidas em vendas! Foi assim que eu descobri que meu closet abrigava muitas roupas em ótimo estado mas que eu não usava porque já não tinham o meu estilo ou não havia ocasião. Então criei uma conta no enjoei.com (#merchan) e já consegui vendar algumas coisas. O lucro das vendas pagará minha hospedagem na próxima viagem 😉 e, ah! não me levem a mal. Eu costumo doar muitas coisas. As que estou vendendo são mais no estilo “pra festa”. Você também pode usar classificados online ou outros portais como o bomnegocio.com (#merchan quero cota!) e vender aquele celular antigo que engavetou e pensa que ninguém iria querer comprar. Acredite, as pessoas compram de tudo pela internet!

Esse post ficou longo demais pois, aparentemente, além de dinheiro tenho dificuldade em economizar palavras. Mas espero que ajude vocês e tenha servido de alguma coisa, se não eu só gastei tempo… e tempo é dinheiro… e eu PRECISO economizar!

novas assinaturas-nana



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/como-economizar-quando-nao-se-e-bom-nisso/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
6 comentários




diy category image
12 de setembro de 2014

Esse tutorial é um daqueles que você vê e pensa “caramba, como nunca pensei nisso antes?”. E o melhor: é super fácil de fazer.
Sabe aquele monte de pedaços de giz de cera que vai ficando ao longo das séries de ensino e surtos de arte que temos? E eles vão ficando, ficando, ficando e se proliferando hahaha. Pois temos uma dica pra vocês: pegue giz de cera e faça velas coloridas para alegrar suas noites ;D

Então vamos aos materiais necessários:

– Giz de cera (das cores de sua preferência);
– Vela branca;
– Panela;
– Recipiente de vidro;

1

É super simples! Você coloca água em uma panela e dentro dela coloca um outro recipiente, que deve ser de vidro – de preferência – ou cerâmica. Neste recipiente você colocará os pedaços de giz de cera para derreterem em banho maria. Dica: quebre-os em pedacinhos para derreterem mais rápido!
Como eu tinha pouca quantidade de giz, eu acrescentei à mistura metade de uma vela branca,  daquelas que a gente usa em casa quando falta luz, mesmo ( na verdade esta vela é transparente, então ela não altera a cor do resultado).

3

Após derreter em banho maria a primeira mistura, já pode colocar o liquido no recipiente de vidro que servirá de forma para a vela. Sabe aqueles vidrinhos de patê ou requeijão? ou aqueles copinhos de extrato de tomate? São suuuper úteis nessa hora! Assim que coloquei essa primeira cor de mistura na forma, retirei o pavio de uma vela branca, cortei no meio (porque o potinho que eu estava usando era pequeno) e coloquei no centro do pote, amarrado a um palitinho, para não cair na cera derretida nem sair do lugar (fiz uma gambiarra, mas você pode ser mais simples e somente dar um laço, rs). Em seguida coloquei a forma com a primeira cor no congelador para endurecer enquanto eu derretia em banho maria a outra cor de giz de cera com a vela.

O processo é basicamente esse. Basta repetir a quantidade de vezes que você quiser, para obter camadas de cores diferentes. A dica é deixar a camada anterior endurecer bem antes de despejar a camada seguinte sobre ela se não as cores podem acabar se misturando. Eu como uma boa impaciente que sou tive esse insigth de colocar no congelador pra acelerar o processo, mas isso não é um passo obrigatório hehe

2

Depois de congelar a última camada, já pode começar a usar! A minha ficou com 4 cores, mas você pode fazer mais camadas, misturar cores, usar um recipiente de vidro mais comprido, amarrar uma laço decorativo nele… enfim! É só usar a criatividade :)

Alguém aí já testou esse tutorial? Conta pra gente. E se alguém arriscar fazer não esquece de postar foto de marcar #chadasphynas pra gente ver o resultado!

novas assinaturas - nath-04



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/diy-vela-colorida-2/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
comente!




diy category image
12 de setembro de 2014

Esse tutorial é um daqueles que você vê e pensa “caramba, como nunca pensei nisso antes?”. E o melhor: é super fácil de fazer.
Sabe aquele monte de pedaços de giz de cera que vai ficando ao longo das séries de ensino e surtos de arte que temos? E eles vão ficando, ficando, ficando e se proliferando hahaha. Pois temos uma dica pra vocês: pegue giz de cera e faça velas coloridas para alegrar suas noites ;D

Então vamos aos materiais necessários:

– Giz de cera (das cores de sua preferência);
– Vela branca;
– Panela;
– Recipiente de vidro;

1

É super simples! Você coloca água em uma panela e dentro dela coloca um outro recipiente, que deve ser de vidro – de preferência – ou cerâmica. Neste recipiente você colocará os pedaços de giz de cera para derreterem em banho maria. Dica: quebre-os em pedacinhos para derreterem mais rápido!
Como eu tinha pouca quantidade de giz, eu acrescentei à mistura metade de uma vela branca,  daquelas que a gente usa em casa quando falta luz, mesmo ( na verdade esta vela é transparente, então ela não altera a cor do resultado).

3

Após derreter em banho maria a primeira mistura, já pode colocar o liquido no recipiente de vidro que servirá de forma para a vela. Sabe aqueles vidrinhos de patê ou requeijão? ou aqueles copinhos de extrato de tomate? São suuuper úteis nessa hora! Assim que coloquei essa primeira cor de mistura na forma, retirei o pavio de uma vela branca, cortei no meio (porque o potinho que eu estava usando era pequeno) e coloquei no centro do pote, amarrado a um palitinho, para não cair na cera derretida nem sair do lugar (fiz uma gambiarra, mas você pode ser mais simples e somente dar um laço, rs). Em seguida coloquei a forma com a primeira cor no congelador para endurecer enquanto eu derretia em banho maria a outra cor de giz de cera com a vela.

O processo é basicamente esse. Basta repetir a quantidade de vezes que você quiser, para obter camadas de cores diferentes. A dica é deixar a camada anterior endurecer bem antes de despejar a camada seguinte sobre ela se não as cores podem acabar se misturando. Eu como uma boa impaciente que sou tive esse insigth de colocar no congelador pra acelerar o processo, mas isso não é um passo obrigatório hehe

2

Depois de congelar a última camada, já pode começar a usar! A minha ficou com 4 cores, mas você pode fazer mais camadas, misturar cores, usar um recipiente de vidro mais comprido, amarrar uma laço decorativo nele… enfim! É só usar a criatividade :)

Alguém aí já testou esse tutorial? Conta pra gente. E se alguém arriscar fazer não esquece de postar foto de marcar #chadasphynas pra gente ver o resultado!

novas assinaturas - nath-04



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/diy-vela-colorida/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
2 comentários




diy category image
5 de setembro de 2014

Olá pessoas phynas!

Chegou o mês oficial das flores! E estando nessa vibe ~florida~, acabei lembrando de alguns DIY de decoração usando flores artificiais, que ficam bem bonitos e são simples de fazer 😉 escolhi replicar aqui o tutorial de flor feita com filtro de café, é uma graça! Anota aí os materiais necessários:

materiais flor

– Filtros de papel (usei 4);
– Cola branca;
– Tesoura;
– Espeto de churrasco ou galho seco.

passo1

 Primeiro faça o desenho de duas pétalas juntas no filtro de café; passe um pouco de cola na base e cole no espeto ou galho, fechando bem e formando um botão. Aproveite o recorte do primeiro filtro pra servir de molde e faça novas pétalas.

passo2

 Para a flor ficar bem cheinha, vá colando as bases das novas pétalas um pouco mais abaixo e quando secar, abra essa pétalas, deixa um efeito bem bonito :)

E é isso! Só e somente isso! Não ficou linda e delicada?
chamada flor

Se quiser, também pode pegar aquarela ou algum corante, diluir em água e mergular só as pontas para que sua flor parece uma rosa híbrida! Também pode tingi-la por inteiro, o importante é deixar tudo florido da sua maneira ;D

Beijo e um setembro florido pra vocês!

novas assinaturas-02



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://chadasphynas.com/diy-flor-de-papel/) [
function.file-get-contents]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/chada431/public_html/wp-content/themes/tema/functions.php on line 99
4 comentários